previdência-privada

Você já deve ter percebido a mudança na situação econômica no Brasil nos últimos anos. Entre outras coisas, essa alteração também impacta na aposentadoria.  

Antigamente, muitas pessoas contavam com um dia viverem dos valores pagos pelo INSS, porém, diante também da Reforma da Previdência, os brasileiros passaram a recorrer a outras alternativas. Uma das principais é a previdência privada.

Entenda mais sobre essa tendência a seguir.

Interesse em previdência privada

De acordo com a Federação Nacional de Previdência Privada e Vida (FenaPrevi), em dados divulgados em 2022, o número de pessoas que passaram a investir em previdência privada aumentou 11,2% entre 2020 e 2021, superando os R$ 138 bilhões.

Dentre as opções de planos mais buscadas pelos brasileiros estão o Vida Gerador de Benefícios Livres (VGBL), com 90,9%; seguido pelo Plano Gerador de Benefício Livre (PGBL), com 8,4% e os Tradicionais/outros (0,7%). A modalidade predominante é a de planos Individuais (88,6%), depois os Coletivos (9,8%) e também os para Menores (1,6%).

Ainda segundo a Fenaprevi, 35%  dos entrevistados em sua pesquisa, entre homens e mulheres de 18 anos ou mais de todas as classes econômicas, disseram que o pagamento de previdência privada está entre as ações preventivas para sanar medos, como não ter como pagar despesas médicas, perder o emprego ou não ter moradia.

Não existe idade para começar a investir

A previdência privada é considerada uma forma de complementar a aposentadoria e garantir um futuro confortável. Devido a sua forma de rendimento, é indicado contratar o quanto antes para resgatar um valor suficiente na época que for mais necessário.

Portanto, você pode começar o investimento neste fundo já no início da carreira, ou quando tiver um salário mais estável, que permita a retirada de um valor mensal. É possível iniciar com quantias pequenas e aumentar conforme sua renda cresce.

Para escolher o melhor plano, o investidor precisa passar por uma análise, que poderá indicar qual seria a melhor forma de investir o seu dinheiro, de acordo com o perfil, os objetivos e o prazo que pretende estipular para fazer o resgate dos recursos.

Vantagens da previdência privada

A previdência privada se destaca como um dos investimentos mais seguros que existe, mas ainda possui outras vantagens como: 

  • Opções de tributação, figurando como a menor taxa entre todas as aplicações financeiras;
  • Imposto de renda cobrado apenas no momento do resgate, eliminando o come-cotas existente em outros fundos;
  • Pode ser utilizada como um mecanismo de sucessão patrimonial;
  • Liberdade de resgate antecipado mediante taxas adicionais;
  • Opção de pagamento por débito automático.

Se você ficou interessado e gostaria de mais informações sobre planos de previdência privada, entre em contato com a Camed!

Clique aqui e fale com a gente no whatsapp.


Publicações Relacionadas

Você conhece os benefícios de um seguro de celul...

No mundo acelerado de hoje, onde cada instante conta, a importância do seu celular ultrapassa os limites da comunicaç...

Ver mais

Como contemplar minha cota de consórcio de maneir...

Todos que participam de um consórcio têm o objetivo de ter sua cota contemplada o mais rápido possível. Mas é preci...

Ver mais

Saiba as 7 principais dúvidas sobre Previdência...

Se você já ouviu falar sobre a previdência privada, mas ainda não começou a investir porque tem muitas dúvidas, en...

Ver mais

Conheça as principais coberturas adicionais para...

Você já parou para pensar na quantidade de bens que estão em seu nome? O que acontece no caso de algum imprevisto com...

Ver mais
Olá, podemos te ajudar?